Negócios

TENDÊNCIAS DO MERCADO GLOBAL

Com as incertezas globais, temos que olhar para as exportações brasileiras em contexto com os maiores exportadores e importadores. Gordon Butland nos mostra um panorama por completo. Veja a seguir.

TENDÊNCIAS DO MERCADO GLOBAL

Com as incertezas globais resultantes da Covid-19, temos que olhar para os dados das exportações brasileiras em contexto com que está acontecendo com os maiores exportadores e importadores

Os quatro maiores exportadores de carne de frango são: Brasil, USA, União Europeia e Tailândia.

A tabela abaixo mostra os volumes de 2020 comparados com 2019

 

Apesar desta tabela parecer, a priori, razoável para os três países, dados os efeitos devastadores da pandemia, ela não mostra o panorama por completo.

Começamos com o Brasil. As exportações de frangos inteiros caíram 38.000MT e os cortes cresceram 30.000MT. Para a Arábia Saudita, as exportações caíram 13% e para os Emirados 20%, indicando a fragilidade de suas economias e o nível de infecção. Precisamos levar em conta que a queda de 47.000MT representa aproximadamente 47milhões de aves vivas. 

Apesar de que a situação dos cortes ser positiva, a China  (net of Hong Kong) foi responsável por 66.000MT. Outros países asiáticos com pouca produção suína devido à ASF ( Peste Suína Africana), também foram substancialmente altas. As maiores quedas foram para o México, uma vez que os EUA e México resolveram alguns temas comerciais; África do Sul, Arábia Saudita e Emirados. Uma vez que 80% das exportações brasileiras vão para apenas 15 países, precisamos acompanhar de perto o vírus e se o Brasil está perdendo mercado. 

Figure 1 -FAO InsightsFood Outlook - Biannual Report On Global Food Markets (June, 2020)

Os Estados Unidos mostram uma situação positiva por que não tiveram exportações para a China em 2019. Em 2020 as exportações para a China foram de 205.000MT, ofuscadas parcialmente por uma redução de 81.000 MT para Hong Kong. Importadores tradicionais como Cuba e Angola tiveram quedas significativas. 

Apesar de invariável, a Tailândia teve sérios problemas. Em 2019, 67% de suas exportações foram processadas e a Europa foi um mercado chave, em especial UK. Em 2020, apenas 53%de suas exportações foram processadas, uma vez que o segmento de serviços alimentares colapsou na Europa. Os crescimentos em exportação de carnes cruas também ocultam o fato de que a Europa caiu em 10.000MT enquanto que a China cresceu em 28.000MT

A visão geral é que as exportações de peito caíram em 31.000MT e foram compensadas pelos pés, asas e pequenas quantidades de pernas. São necessárias aproximadamente 2 aves para cada quilo de peito, portanto houve uma queda de 62 milhões de aves. A Tailândia reduziu a produção em aproximadamente 120 milhões de aves por mês ( por volta de12% ) mas a falta de asas fez com que a produção aumentasse novamente. No entanto, ouviu-se que algumas companhias tem estoque de peito e que o preço dos pintainhos de um dia caiu em 50% no final de Agosto, indicando um novo declínio de produção.


   Figure 2 - Poultry World - May, 2020


   Figure 3 - Poultry World - Jul, 2020

O comércio Europeu, tanto para importação quanto para exportação foi severamente atingido. Na tabela acima, mostramos as exportações da União Europeia e Grã-Bretanha separadamente. Estes Números mostram a) grande parte do que é exportado para a União Europeia vai para a Grã-Bretanha e b), os efeitos dos serviços de alimentos, como mencionado nas notas sobre a Tailândia. A Europa tem pouco acesso à China para ajudar a compensar como os outros exportadores fizeram. As importações também caíram 12% fazendo com que o Brasil perdesse 14,000MT e a Ucrânia, impressionantes 31%. Apresentações recentes via internet e o aparecimento da “segunda onda” indica que a recuperação deste mercado será lenta.

PREÇOS

Os preços do peito e das pernas apresentaram grandes quedas em 2020. As exportações de peito salgado da Tailândia para a Europa caíram 30% em 2019, comparadas a 2018 e em julho de 2020, houve outra queda de 30%. Carne de peito fora da Europa, viu seu preço cair para U$ 1300 por tonelada.  O Brasil foi menos afetado devido a variação cambial dando uma vantagem sobre a Tailândia em 70% nos últimos 2 anos. 

Mesmo os preços no mercado doméstico americano caíram nos últimos dois anos e há informes que algumas vendas de peito para o México foram menores que U$ 2 o quilo. Isto foi parcialmente compensado com a venda de sanduiches de filé de frango ( figura 4 )  que requer uma porção menor de peito e consequentemente um frango de peso menor. Este produto foi introduzido pela Chick-Fil-A e está agora sendo seguido por outras cadeias de restaurante de serviço rápido QSR. Os preços para estas porções menores são maiores e os grandes produtores, incluindo Pilgrims  ( JBS ) estão adaptando algumas plantas para se concentrar neste produto. 

Chick-fil-A® Chicken Sandwich Nutrition and Description | Chick-fil-A   Figure 4 - Chick-fil-A Chicken Sandwich                                                                    

Produtos de Pernas sem Osso para o Japão estão começando a seguir a mesma tendência. Estamos ouvindo do mercado que os exportadores Ucranianos e Russos foram aprovados na Ásia e podemos esperar uma competição feroz. O preço dos BIL no Brasil se tornará um fator uma vez que os custos para a desossa irão começar a exceder o prémio pago por produtos sem osso na Ásia.

                                   

“Volatility could be exacerbated by ongoing challenges                                                                              to balance supply and demand and by exchange rate instability.” 

Figure 5 - Rabobank,Poultry Quarterly Outlook (Q3 - 2020)

CONCLUSÕES

Parece que o volume de exportação conseguirá manter seus atuais níveis, basicamente devido a situação de ASF na China, onde o déficit de proteína continuará alta pra um futuro previsível. No entanto, a pressão sobre os preços continuará uma vez que os grandes produtores, Brasil e USA, mantem altos os níveis de produção, enquanto novos players entram no mercado.

Dados os números acima ( figura 1 ), não parece provável que as projeções feitas pela FAO em seu relatório Bianual ocorrerão.

Autor
Gordon Butland

Gordon Butland é o atual diretor da G&S Agriconsultant CO. Atuou no mercado bancário desde 1986 e começou sua parceria com o Rabobank International em 1989. Saiu do mercado financeiro em 2004 e agora é consultor de diversas empresas da cadeia de avicultura em todo o mundo. Seu trabalho foca tanto na parte estratégica quanto na análise de dados.


Compartilhe

Deixe seu comentário





Veja também

Venha conversar com a gente e saiba como podemos, juntos, ampliar nossos horizontes!


Endereços

BRASIL

Rua Santa Catarina, 1305 - Centro
Cep 85801-040 - Cascavel -
Paraná - Brasil
Tel: +55 (45) 3037-2007

ESTADOS UNIDOS

1111 Brickell Avenue,
Suite 2715 Miami, Florida 33131
United States of America